fbpx

O que fazer com o dinheiro do precatório?

Atualizado em 12 de fevereiro de 2021 por Flávia

Após uma longa espera — que pode ser de anos ou até décadas — a tão aguardada data chega. Então, você vence a ação na Justiça e já pode sacar o seu título. A única questão que fica agora é: o que fazer com o dinheiro do precatório? 

Diante de tantas possibilidades, é comum não ter certeza sobre o que fazer com esse montante. Por isso, vamos compartilhar estratégias que você pode aplicar para usar bem o valor do seu precatório. Boa leitura!

Onde deixar o dinheiro do precatório até a hora de usar? 

Dicas simples já ajudam você a movimentar essa quantia da melhor forma. Para começar, evite deixar o seu dinheiro na poupança. Os juros são muito baixos e rendem apenas na data de aniversário da aplicação. 

Uma ideia interessante é utilizar uma conta corrente que renda 100% do CDI — o Certificado do Depósito Bancário — ou mais. É importante destacar que esse não é um dos maiores retornos. No entanto, ainda é mais alto do que apenas deixar parado, com rendimento quase nulo. De modo geral, você encontra essa opção nas contas dos bancos digitais.

Se ainda não está familiarizado com o mundo das finanças, não tem problema. A melhor recomendação é manter o valor em um local que você considere seguro. Faça isso até ter certeza do que fazer com o dinheiro do precatório.

O que fazer com o dinheiro do precatório?

Então, agora que já está com o seu dinheiro poupado em um local confiável, o próximo passo é saber o que fazer com ele. Se você quiser, pode deixar uma parte guardada para planos futuros e usar o restante agora. Vamos agilizar a sua mudança de vida? A seguir, confira as ideias que separamos para você. 

Reformar a casa

Por mais que a gente goste de um imóvel, sempre podemos melhorar. Por isso, uma ótima ideia é reformar a sua casa ou apartamento. Renove o que já está antigo, construa um novo cômodo ou, quem sabe, uma área de lazer. Com certeza, o seu lar ficará ainda mais aconchegante. 

Viajar com a família

Quando o período da pandemia do coronavírus passar, muitas pessoas começarão a tirar do papel o sonha de viajar novamente. Assim, você pode fazer o mesmo e usar esse montante para sair com a sua família. Que tal conhecer outros estados no Brasil ou até mesmo novos países? 

Quitar as dívidas 

Você também pode usar parte do valor do seu título para quitar dívidas. Afinal, nada mais desconfortável do que lidar com os juros desses débitos, não é mesmo? Basta piscar os olhos para isso virar uma bola de neve. Nesse caso, o dinheiro trará um grande alívio para todos. 

Pagar a faculdade dos filhos 

Essa sugestão vale para os filhos que já estão na graduação ou no ensino médio. Para os jovens que ainda não estão na faculdade, você pode deixar o valor investido. E para aqueles que estão no terceiro grau, é possível até conseguir um desconto com a universidade. Não custa tentar! 

Abrir um novo negócio  

Para quem sempre quis empreender, essa é a chance! Com as facilidades da internet, você pode começar um negócio digital ou seguir o modelo tradicional. O valor do precatório será apenas o começo para alavancar a empresa. Além disso, seus filhos podem continuar o seu legado, mantendo essa renda fixa. 

Ter a sua casa própria

Essa ideia é para quem financiou o imóvel ou ainda mora de aluguel. Você pode tanto quitar o financiamento quanto comprar uma casa nova, dependendo da situação. Ambas as opções garantem uma segurança você e a sua família, além de trazer maior estabilidade e conforto. 

Investir em imóveis 

Além da sua própria casa, você pode construir ou comprar imóveis para alugar. Essa também é uma forma de ter uma renda extra estável e criar um negócio. Da mesma maneira, o investimento pode seguir para as próximas gerações. Mesmo em cenários de instabilidade, como o atual, o mercado imobiliário está sempre aquecido.

Caso ainda não saiba o que fazer, há uma regra simples para resolver isso. Você pode usar critérios de planejamento e organização de tarefas. Assim, você encontrará o melhor destino para o seu dinheiro.  Na dúvida, mantenha o valor investido até ter certeza.

Como decidir o que fazer com o valor do precatório?

Ter o valor do precatório em mãos é muito libertador. Afinal, você pode tirar os seus sonhos do papel. Nessa hora, o que pode ser mais difícil é decidir por onde começar, não é?

Por isso, uma dica importante é sentar com a família e ver o que é melhor para todos. Uma boa ideia é listar os desejos mais comuns. Feito isso, dê uma nota de 1 a 10 para a relevância deles. Caso você note algum empate, então parta para a categoria seguinte: urgência. Além de relevante, algumas metas podem ter prioridade.

Sendo assim, o pagamento de uma dívida do seu terreno ficaria com uma nota maior do que uma viagem por diversão, por exemplo. Por fim, o terceiro critério é impacto. Veja quais metas são mais relevantes, urgentes e que geram impacto na sua vida da maneira positiva. Com esses três critérios, fica mais fácil realizar os seus sonhos. 

O que fazer se ainda não recebi o precatório?

Se você ainda não recebeu o dinheiro, mas quer realizar esses desejos, há uma alternativa. Nesse caso, você pode vender o seu precatório para tornar os seus sonhos reais sem ter que esperar por tempo indeterminado. 

O processo é simples, além de ser mais fácil do que pegar um empréstimo ou aguardar anos nas filas de pagamento. Afinal, depois de tanto tempo de espera, nada mais justo do que aproveitar. 

Então, gostou das ideias? Agora, você não precisa mais quebrar a cabeça para pensar no que fazer com o dinheiro do precatório. Sendo assim, deixe o valor em um local acessível e com bom rendimento. Quando tiver certeza do destino, use-o para realizar os seus planos de vida e os sonhos da sua família. 

Ainda não tem previsão para receber o dinheiro? Então, a melhor solução é aproveitar as oportunidades do mercado de precatórios. Descubra se vender é uma boa alternativa para você. 

Nenhum Comentário

Comentar