A situação crítica de Precatórios no RS

Reading Time: 2 minutes

Esse artigo faz parte da série Notícias Comentadas que sai todas as Terças-feiras aqui no nosso blog. Semana passada comentamos sobre a dupla acusada de golpes em Precatórios que continuava presa. Hoje a reportagem é sobre a situação dos Precatórios no RS.

Arquivos de Precatórios no RS
Arquivos de Precatórios no RS(Foto: Reprodução/RBS TV)

Rio Grande do Sul é um dos estados com maior dívida em Precatórios. Como vimos aqui, ele está entre os 5 estados mais devedores. Se com os dados de 2014 a situação já era crítica, o Sindicato dos Servidores Públicos Aposentados e Pensionistas do Rio Grande do Sul (Sinapers) acredita que está ainda pior hoje. O Sindicato estima que a dívida atualmente é superior a 12 BILHÕES DE REAIS!

Ato simbólico relembra os credores de Precatórios no RS falecidos

Manifestantes usaram caixão em protesto contra atraso de Precatórios no RS. (Foto: Reprodução/RBS TV)
Manifestantes usaram caixão em protesto (Foto: Reprodução/RBS TV)

A fim de se cobrar maior velocidade na quitação dos pagamentos de Precatórios, um protesto foi feito em frente ao Palácio da Justiça na capital gaúcha. Foi levado um caixão e um banner com as fotos de pessoas que faleceram antes de receber seus direitos.
Um dos falecidos lembrados foi Dona Ottilia que chegou a ser entrevistada em 2015 e já batalhava contra um câncer de pulmão, que foi diagnosticado depois dela receber o seu Precatório.
Representantes do sindicato afirmam que a promulgação da Emenda Constitucional 94 não alterou o panorama da situação. O protesto visava então atingir o Tribunal de Justiça, que deveria ter tomado alguma atitude do governo, desde sequestro de verbas a um plano definido de pagamento.

Estado diminui o limite para Precatório

Há cerca de 58 mil precatórios no Rio Grande do Sul e a tendência é desse número aumentar muito nos próximos anos. Como vimos aqui o limite para Precatórios em Estados é de 40 salários mínimos. Mas foi aprovado no final de 2015 a redução do valor para 7 salários mínimos. Com isso esperasse que o prazo de pagamento, que hoje já ultrapassa 13 anos, seja ainda maior para Precatórios no RS.
Reportagem adaptada do portal G1
Este artigo faz parte da série ” Notícias comentadas?” aqui do nosso blog. Postagens dessa série sempre ocorrem às terças-feiras. Quer acompanhar? Cadastre seu e-mail na nossa newsletter e saiba quando outro texto desta e de outras séries for postado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *