Golpistas tentam lesar donos de Precatórios

Reading Time: 4 minutes

Essa é a primeira comentada da série ” Notícias Comentadas” que são publicadas aqui no blog. A primeira é sobre pessoas que tentaram aplicar um golpe a donos de Precatórios.

Reportagem G1 - Golpistas usam informação de pagamento de precatórios para lesar pessoas
Golpistas tentam lesar credores de precatórios no Alagoas Fonte: G1

 
Pessoas mal intencionadas aproveitando-se da falta informações de credores de Precatório tentam aplicar golpes. Felizmente não são todos os golpes que são bem sucedidos mas algumas pessoas acabam sendo lesadas.
E isso acontece em todo o País. Abaixo temos exemplos do que ocorreu em Alagoas e São Paulo.

Golpistas em Alagoas

Golpistas sabendo da liberação de pagamentos no Alagoas, tentaram se aproveitar do desconhecimento dos credores de Precatórios para tentar aplicar um golpe.
Ligações foram feitas para pessoas que esperavam o pagamento de Precatório a mais de 20 anos com informações pessoais deles, como data de nascimento e nome da mãe, para tentar dar veracidade ao golpe.
Felizmente Carla Fernanda desconfiou da ligação e não passou nenhuma informação como conta e senha do banco de sua sogra tampouco quis fazer o pagamento para que houvesse a liberação imediata do valor.

Golpe de Precatórios em São Paulo

Sindicato dos Especialistas de Educação do Ensino Público Municipal de São Paulo – SINESP  também recebeu denúncias de seus filiados. Segundo eles uma sindicalizada recebeu uma ligação com alguém se fazendo passar por membro do sindicato.  Da mesma forma que em Alagoas, o golpista confirmava informações e pedia uma quantia em dinheiro para o pagamento de honorários advocatícios. A conta informada não era de titularidade do sindicato e sim do próprio advogado.
O sindicato afirmou que apenas a diretoria da instituição faz ligações para credores mas que em nenhum momento cobra algum valor de seus sindicalizados. Não somente o SINESP, mas todos os sindicatos trabalham da mesma forma. Caso receba alguma ligação que peça algum adiantamento para que receba seu Precatório, desconfie.
Outro método utilizado pelos criminosos é o envio de cartas aos donos de Precatórios. Um dos golpes consiste em uma carta enviada por um suposto Cartório informando que o dinheiro estaria liberado. Mas para a pessoa conseguir sacar o dinheiro seria necessário o pagamento de 10% do valor pelos custos do processo.

Golpes em Precatórios
Carta enviada pelos golpistas a um credor

Quando procura-se pelo “Primeiro Cartório de Precatórios, o endereço não existe. E segundo moradores da região são várias pessoas que procuram pelo cartório nos últimos dois anos.
Primeiramente não há obrigação nenhuma do ganhador do processo pagar as custas processuais, pois isso é dever do perdedor da causa. Outro fator é que nenhum cartório tem o controle de quem está prestes a receber o dinheiro de seu Precatório. Essa informação consta apenas na fila de pagamentos que é disponibilizada pelos tribunais. Além disso não existe cartórios especializados em Precatórios.
Presos em São Paulo também utilizam da mesma tática para tentar conseguir dinheiro. Foi isso que descobriu uma reportagem. Dessa vez porém havia um telefone na carta para que a pessoa retornasse. Aí entrava em cena um suposto advogado que cobrava do credor agilidade no depósito para liberar o pagamento.

Porque tantos golpes com Precatórios

Golpistas existem em toda parte, mas os donos de Precatórios são bem visados ainda mais nessa época de crise financeira.
Isso acontece por causa da  grande fila de pagamento que existe hoje. Assim os credores, que estão frustrados por não receberem o dinheiro, ficam mais propensos a acreditar nos criminosos.
Advogados relatam que os alvos principais dos golpistas são aqueles com Precatórios de alto valor. Já que eles sempre pedem um percentual relativo ao valor total da causa,.
Esse é um dos motivos pelo qual surgiu o Meu Precatório. Para trazer maior informação aos credores e para evitar que golpistas se aproveitem da inocência dos mesmos.

 Como proceder caso eu tenha Precatórios?

Fique atento! Nenhuma pessoa do governo fará ligações ou contactará você por e-mail. O ente público tentará contato por meio de seu advogado ou diretamente por um oficial de Justiça, para a retirada do alvará de pagamento. E esse procedimento é gratuito! Logo se alguém te procurar pedindo alguma quantia em dinheiro para a liberação de pagamento, desconfie!
Já Cartórios não mandam cartas sobre Precatórios, até porque eles não tem acesso aos dados sobre nenhum Precatório, já que está tudo com o Tribunal. E caso algum advogado, que não tenha sido o do seu processo, te peça um adiantamento, desconfie.
Você pode também acessar o site do tribunal regional do seu estado (no caso de Precatórios estaduais e municipais) e dos tribunais regionais federais (no caso de Precatórios federais) para acompanhar o andamento do processo de seu Precatório.
Adaptação da reportagem originalmente veiculada no ALTV da TV Gazeta de Alagoas
Está ansioso pela nossa plataforma? Nós Também! Mas não precisa esperar o lançamento. Podemos tirar qualquer dúvida sua por e-mail.
Basta preencher o cadastro abaixo que te enviaremos notícias sobre a situação do seu Precatório!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *