Meu Precatório

A situação crítica de Precatórios no RS

Esse artigo faz parte da série Notícias Comentadas que sai todas as Terças-feiras aqui no nosso blog. Semana passada comentamos sobre a dupla acusada de golpes em Precatórios que continuava presa. Hoje a reportagem é sobre a situação dos Precatórios no RS.

Rio Grande do Sul é um dos estados com maior dívida em Precatórios. Como vimos aqui, ele está entre os 5 estados mais devedores. Se com os dados de 2014 a situação já era crítica, o Sindicato dos Servidores Públicos Aposentados e Pensionistas do Rio Grande do Sul (Sinapers) acredita que está ainda pior hoje. O Sindicato estima que a dívida atualmente é superior a 12 BILHÕES DE REAIS!

Ato simbólico relembra os credores de Precatórios no RS falecidos

Manifestantes usaram caixão em protesto (Foto: Reprodução/RBS TV)

A fim de se cobrar maior velocidade na quitação dos pagamentos de Precatórios, um protesto foi feito em frente ao Palácio da Justiça na capital gaúcha. Foi levado um caixão e um banner com as fotos de pessoas que faleceram antes de receber seus direitos.
Um dos falecidos lembrados foi Dona Ottilia que chegou a ser entrevistada em 2015 e já batalhava contra um câncer de pulmão, que foi diagnosticado depois dela receber o seu Precatório.
Representantes do sindicato afirmam que a promulgação da Emenda Constitucional 94 não alterou o panorama da situação. O protesto visava então atingir o Tribunal de Justiça, que deveria ter tomado alguma atitude do governo, desde sequestro de verbas a um plano definido de pagamento.

Estado diminui o limite para Precatório

Há cerca de 58 mil precatórios no Rio Grande do Sul e a tendência é desse número aumentar muito nos próximos anos. Como vimos aqui o limite para Precatórios em Estados é de 40 salários mínimos. Mas foi aprovado no final de 2015 a redução do valor para 7 salários mínimos. Com isso esperasse que o prazo de pagamento, que hoje já ultrapassa 13 anos, seja ainda maior para Precatórios no RS.
Reportagem adaptada do portal G1

Fique por dentro das novidades no mundo dos precatórios! Cadastre seu e-mail na nossa newsletter!

Sair da versão mobile